Gravações – 5º dia

A equipe se dedica nos dois turnos do dia para dar conta dos vários planos diferentes de Drácula. É um dos roteiros com mais cenas. São curtas, planejadas para dentro do estúdio, mas exigem a montagem de cenários, organização de objetos, afinação de luzes, trucagens com sangue artificial e micro poéticas, além de várias mudanças de câmera. O final da tarde é reservado para a preparação de quatro cenas na parte inferior do prédio do estúdio. A sequência de cenas precisa de diferentes requintes técnicos, como a segurança para o controle do fogo dos livros cenográficos confeccionados com caixas de papelão para simular um incêndio, gravado em uma única tomada e o efeito de iluminação que simula o braseiro de uma forja, nos porões do baleeiro Pequod e a ambientação do covil e da masmorra do Drácula, iluminada com luz de lampião e lâmpadas halógenas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.